Agenda

Concertos & Espectáculos

A Agenda é uma secção do portal MIC.PT, onde é possível encontrar as informações mais relevantes - datas, localização, programação, intérpretes e intervenientes, entre outras - sobre os numerosos eventos (concertos, espectáculos, ...), que no seu cerne incluem a música de Compositores Portugueses dos séculos XX e XXI.

The Agenda is one of the MIC.PT regularly updated sections, where it is possible to find the most relevant information - including dates, location, programme and performers - on the various events (concerts, performances, ...) dedicated to the music by Portuguese Composers from the 20th and 21st centuries (presently only available in Portuguese).

2022 · Janeiro · Fevereiro · Março · Abril · Maio · Junho · Julho-Agosto · Setembro
2021 · Janeiro · Fevereiro - Março · Abril · Maio · Junho · Julho - Agosto · Setembro · Outubro · Novembro · Dezembro
2020 · Janeiro · Fevereiro · Março · Abril - Maio · Junho - Julho - Agosto · Setembro · Outubro · Novembro · Dezembro
2019 · Janeiro · Fevereiro · Março · Abril · Maio · Junho · Julho / Agosto · Setembro · Outubro · Novembro · Dezembro
2018 · Janeiro · Fevereiro · Março · Abril · Maio · Junho · Julho · Agosto · Setembro · Outubro · Novembro · Dezembro
Arquivo: 2018 Julho . Junho - Janeiro · 2017 · 2016 - 2015 - 2014 - 2013

Exposições/ Instalações/ ...

2022 · Setembro

António Chagas Rosa · © Bruno Nacarato
imagem ilustrativa · Unsplash

Música de Compositoras e Compositores Portugueses no 33,7 – A Two-Day Festival of New Music by Lucilin

17-18 de Setembro
Kulturfabrik, Luxemburgo

Programa: (selecção)

DEEP LISTENING: 17 de Setembro · 18 de Setembro · Kinosch (continuous listening sessions)
· Obras de: Mirela Ivicevic (SELFLOVE I), Ângela da Ponte (Homenagem Subconsciente), Fátima Fonte (Claro-escuro), Roland Wiltgen (Le Troglodyte musicien) *
* estreia absoluta

I'M BORED AT HOME · 17 de Setembro, 11h45 – 15h30 – 21h15 · 18 de Setembro, 0h15 – 5h15 · Kinosch (streaming)
· Igor C. Silva · I’m bored at home

STRING QUARTET · 17 de Setembro, 13h45 · 18 de Setembro, 10h30 · Ratelach
· Obras de: Eugénio Rodrigues (Mata Hari) · Diana Soh (Sssh, mouvement 1) · Carlos Azevedo, Filipe Vieira, Dimitris Andrikopoulos, Nuno Peixoto de Pinho, Pedro Santos, Telmo Marques, Ângela da Ponte (Miniature · Miniature 2 · Quarteto de Cordas n.º 1 · Segment 1 · kõtəˈʀɐnju · Sketch fragment · Charamba)
Winnie Cheng (violino), Wanru Cheng (violino), Sophie Deshayes (flauta), Pierre Fourcade (violoncelo)

ACTION! · 17 de Setembro, 16h00 · 18 de Setembro, 9h45 · Big Hall (continuous listening sessions)
· Obras de: Cathy Van Eck (Empty Chairs), Catherine Kontz (Snakes and Ladders), Fátima Fonte (The Sleep Collector) *, Simon Steen-Andersen (Besides Beside)
* estreia absoluta · encomenda: United Instruments of Lucilin para o projecto 33,7 - Esch2022 European Capital of Culture, com o apoio da Ernst von Siemens Musikstiftung

WITHOUT WARNINGS · 18 de Setembro, 12h00 · Outside Stage
Miguel Moreira · Without Warnings (Parte I, II, III)

>> Mais Informações

Daniel Martinho · © Pedro Jeremias
imagem ilustrativa · Unsplash

Encontros Sonoros Atlânticos 2022 · Concerto de Encerramento

17 de Setembro, 18h00
Biblioteca Nacional, Lisboa

Programa:
· Francisco de Lacerda · Trovas
· Maurice Ravel · Ma Mere L’Oye
· obra vencedora da edição inaugural do Prémio de Composição Francisco de Lacerda *

* estreia absoluta

Pedro Neves · direcção musical
Eduarda Melo · sporano
Orquestra Metropolitana de Lisboa

>> Mais Informações

António Chagas Rosa · © Bruno Nacarato
António Chagas Rosa · © Bruno Nacarato

O Homem dos Sonhos de António Chagas Rosa no festival Operafest Lisboa 2022

10 de Setembro, 21h00
Jardim do Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa

Programa:
· António Chagas Rosa (música e libreto) · O Homem dos Sonhos [a partir de Mário de Sá-Carneiro] (encomenda da Companhia de Ópera do Castelo)

Jan Wierzba · direcção musical
Miguel Loureiro · encenação
João Telmo · figurinos
André Guedes · cenografia
Daniel Worm · desenho de luz
Ricardo Campos · adaptação desenho de luz

Catarina Molder (soprano) · Homem dos Sonhos
Christian Luján (barítono) · Poeta
Vasco Santos e Pedro Santos · actores

Ensemble MPMP

Produção: Ópera do Castelo
Coprodução: Teatro Viriato, São Luiz Teatro Municipal

>> Mais Informações

Operafest Lisboa 2022 · Ópera Express para Novos Encenadores + estreia de Minotauro de João Ricardo

6 de Setembro, 21h00
Jardim do Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa

Programa:
· Excertos: Cânticos Para a Remissão da Fome de António Chagas Rosa e Ninguém e Todo o Mundo de Daniel Moreira
· João Ricardo · Minotauro *

* estreia absoluta

Jan Wierzba · direcção musical
Anna Leppänen, Daniela Cruz, Inês Filipe e Rodrigo Aleixo · encenadores candidatos
Pedro Santos · desenho de luz

Ensemble MPMP

Júri: Catarina Molder (soprano e direcção artística do OPERAFEST), Edward Ayres de Abreu compositor e musicólogo, programador do MPMP), Sandra Faleiro (actriz e encenadora), André Cunha Leal (programador CCB), Maria João Cabral (Fundação La Caixa), Rui Horta (coreógrafo e encenador)

>> Mais Informações

António Chagas Rosa · © Bruno Nacarato
António Pinho Vargas · © Miguel Manso

Música de António Pinho Vargas na Festa do Avante! · Concerto Sinfónico de celebração do 100.º aniversário do nascimento de José Saramago

2 de Setembro, 22h00
Palco 25 de Abril, Quinta da Atalaia, Avenida Baía Natural do Seixal

Programa:
· Música de Alessandro Scarlatti, Ludwig van Beethoven, Wolfgang Amadeus Mozart, António Pinho Vargas (Memorial)

Orquestra Sinfonietta de Lisboa dirigida pelo Maestro Vasco Pearce de Azevedo
Solistas: Mafalda Nejmeddine (cravo), Marco Pereira (violoncelo), Alexandra Bernardo (soprano), Armando Possante (barítono)

>> Mais Informações

>> Topo

2022 · Julho-Agosto

Telectu
Telectu · Vítor Rua e Ilda Teresa Castro

Telectu no ZigurFest

27 de Agosto, 22h30
ZigurFest, Lamego

Programa:
· Telectu · Belzebu

Telectu: Vítor Rua e Ilda Teresa Castro

>> Mais Informações

Música de Compositores Portugueses no festival ISCM World New Music Days 2022 · Nova Zelândia

23-30 de Agosto
Auckland e Christchurch, Nova Zelândia

Obras:
· Daniel Davis · Colours (here in) (2018), para coro misto
· Sara Carvalho · sobre a areia o tempo poisa (2016), para violino, violoncelo e piano
· Paulo Bastos · Íris-abandono… (2016), para vibrafone

>> Mais Informações

orquestra
imagem ilustrativa · Pixabay

Jovem Orquestra Portuguesa no Festival Cistermúsica

4 de Agosto, 21h30
Mosteiro de Alcobaça – Cerca

Programa:
· Alexandre Delgado · Concerto para Viola
· Anton Bruckner · Sinfonia n.º 9 em ré menor

Pedro Carneiro · direcção
Henrique Constância · maestro assistente

JOP – Jovem Orquestra Portuguesa

>> Mais Informações

tripes
Hugo Vasco Reis · © Johannes Lins

Obra de Hugo Vasco Reis no festival drei in eins

31 de Julho, 18h00
Karlskirche, Kassel, Alemanha

Programa:
· Obras de Erika Vega, Felipe Waller, Hugo Vasco Reis (Dimensions IV) * e Bohyun Kim

* estreia absoluta

Katharina Gross · violoncelo

>> Mais Informações

guitarra
imagem ilustrativa · Pixabay

Obra de Fernando C. Lapa pelo Bracara Augusta Guitar Trio

30 de Julho, 22h00
Parque do Arnado, Festival Percursos da Música, Ponte de Lima

Programa:
· Fernando C. Lapa · Cantares do Minho – Quatro Suites para Trio de Guitarras

Bracara Augusta Guitar Trio: Artur Caldeira, Daniel Paredes e Artur Gil Godinho

>> Mais Informações

Telectu
Telectu · Vítor Rua e Ilda Teresa Castro

Telectu no Festival Braille Satellite na Lituânia

28-31 de Julho
Braille Satellite, Gryby dvaras, Lituânia

Programa:
· Performance dos Telectu no âmbito do Braille Satellite

Telectu: Vítor Rua e Ilda Teresa Castro

>> Mais Informações

guitarra
imagem ilustrativa · Pixabay

Orquestra Portuguesa de Guitarras e Bandolins · digressão: Do Douro aos sons de Espanha

27 de Julho, 20h30
Lienzo Norte – Sala Cámara, Ávila

29 de Julho, 19h30
Conservatorio Profesional de Música de Meliana, Valencia

30 de Julho, 19h30
Teatro Cervantes, Campo de Criptana (Ciudad Real)

Programa:
· Obras de Albéniz, Falla, Giménez, e Fernando C. Lapa

Hélder Magalhães (maestro)
Orquestra Portuguesa de Guitarras e Bandolins

>> Mais Informações

Lienzo Norte


Conservatori Profesional de Música de Meliana


Campo de Criptana

Daniel Martinho · © Pedro Jeremias
Daniel Martinho · © Pedro Jeremias

Estreia de obra Daniel Martinho no Concerto de Encerramento do XII Estágio Nacional da Orquestra Sinfónica de Jovens AMCC

27 de Julho, 21h30
Sala Suggia, Casa da Música, Porto

Programa:
· Daniel Martinho · Prologus para orquestra sinfónica e electrónica *
· Niccolò Paganini · Concerto n.º 2 para violino e orquestra
· Nikolai Rimski-Korsakoff · Capricho Espanhol, op. 34

* estreia absoluta

Orquestra Sinfónica de Jovens AMCC
Fernando Marinho · direcção musical
Sergey Arutyunyan · violino

>> Mais Informações

Daniel Martinho · © Pedro Jeremias
imagem ilustrativa · Unsplash

Encontros Sonoros Atlânticos 2022 · 4.º Concerto

24 de Julho, 20h00
Praça do Município, Ponta Delgada

Programa:
· Obras de Francisco de Lacerda, Luís Tinoco, Luís Carvalho, Darius Milhaud e György Ligeti

Humorictus Ensemble
Marina Camponês (flauta), Guilherme Cruz (oboé), Patrícia Silva (clarinete), Joana Maia (fagote), Kevin Cardoso (trompa)

>> Mais Informações

andorinhas
imagem ilustrativa · Pixabay

Estreias de obras de Compositores Portugueses no contexto do espectáculo Bagagem de Mão

22, 23 e 24 de Julho, 21h30
Igreja das Freiras, Lagos

Programa:
· Obras de: Daniel Davis (Trekking End) *, Fernando C. Lapa (Transversais – três peças para trombone e piano) * e Tiago Derriça (título a anunciar) *

* estreia absoluta

Ensemble Contemporaneus · Francisco Serôdio (trombone) e Vera Batista (piano)
Rita Rodrigues · teatro
Francisco Pavão · vídeo
Timo Dillner · poesia e pintura

>> Mais Informações
>> Mais Informações

andorinhas
Flutua Orquestra de Flautas da Universidade de Aveiro

Estreias de obras de Compositoras e Compositores Portugueses · 1.ª Digressão – Flutua Orquestra de Flautas da Universidade de Aveiro

Ilha de São Miguel
20 de Julho, 18h00 · Auditório Luís de Camões (Conservatório)
21 de Julho, 21h00 · Teatro Riberiagrandense

Ilha Terceira
23 de Julho, 22h00 · Monte Brasil
24 de Julho, 21h00 · Auditório do Ramo Grande

Ilha da Graciosa
26 de Julho, 21h00 · Centro Cultural da Ilha Graciosa

Programa:
· Obras em estreia absoluta de: Amílcar Vasques-Dias, Sara Carvalho, Ângela da Ponte, Gerson Batista, Luís Carvalho, Claudio Nolasco, Estênão Chissano

Flutua Orquestra de Flautas da Universidade de Aveiro

>> Mais Informações

Daniel Martinho · © Pedro Jeremias
imagem ilustrativa · Unsplash

Encontros Sonoros Atlânticos 2022 · 2.º Concerto

21 de Julho, 19h00
Jardim Duque da Terceira, Angra do Heroísmo

Programa:
· Obras de Francisco de Lacerda, Antero Ávila, Sérgio Azevedo, Luís Carvalho, Enrique Crespo e Leonard Bernstein

Lava Brass Quintet
Paulo Borges, André Nunes (trompete), Edgar Marques (trompa), Miguel Moutinho (trombone) e Antero Ávila (tuba)

>> Mais Informações

piano
imagem ilustrativa · Unsplash

Contemporaneidades (MPMP) · Duarte Martins e Philippe Marques

20 de Julho, 19h00
ESMAE – Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo, Porto

Programa:
· Jorge Croner de Vasconcellos · Peça para dois pianos
· Filipe Pires · Figurações III
· Claudio Santoro · Duo I
· Tiago Cabrita · Do outro lado do espelho *
· Bohdana Frolyak · Suíte em dó

* estreia absoluta

Duarte Pereira Martins e Philippe Marques · dois pianos

>> Mais Informações

ondas, mar
imagem ilustrativa · Unsplash

Encontros Sonoros Atlânticos 2022 · 1.º Concerto

19 de Julho, 19h00
Fajã da Fragueira

Programa:
· Francisco de Lacerda · Trio de Cordas
· Vasco Mendonça · Zebra Crossing *
· Erno Dohnányi · Serenade

* estreia portuguesa

José Pereira · violino
Sérgio Sousa · viola d'arco
Nuno Abreu · violoncelo

>> Mais Informações

tripes
imagem ilustrativa · Unsplash

Zêzere Arts Festival

19-31 de Julho
Tomar, Batalha, Ferreira do Zêzere, Ourém

Programa:

Recital de Canto Lírico | Centro Cultural, Ferreira do Zêzere | 19 de Julho, 21h00
· Um concerto de canções e ensembles vocais
Carolina Prates, Marilia Zangrandi Rocha, Henrique Garçia, Rodrigo Calais, Constança Grangeia, Cathy Gibbons, Seamus Camplisson, Gerco Blom, Philippe van Dordrecht, Nélia Gonçalves e Laura Martins com a pianista Taíssa Poliakova Cunha

Missa em Sol – Carlos Seixas | Igreja de Nossa Senhora da Graça – Tomar | 20 de Julho, 21h00
· Obras: Concert pour quatre – Charpentier · Suite Don Quixote – Boismortier · Missa em SolCarlos Seixas
Pulcinella – Ensemble Barroco Francês · Záve – Ensemble Vocal ZêzereArts · Brian MacKay – direcção
Concerto integrado na Temporada Portugal França 2022


Coro dos Maestros | Igreja de Nossa Senhora do Pranto – Dornes | 21 de Julho, 18h00
· Música de Brahms, Arvo Pärt e muito mais
Alunos dos cursos profissionais mostram os seus trabalhos com o Coro de Câmara do Festival
ZêzereArts Coro dos Maestros · ZêzereArts Coro do Festival


Coros Convidados Internacionais | Igreja de Nossa Senhora da Graça – Tomar | 22 de Julho, 18h00
· Reforma e Romance
Ex Urbe – Coro de Câmera Convidado · Benjamin Hamilton - direcção
· A Ceremony of Carols
Birdsong – Ensemble Vocal Convidado · Stephen Rumsey – direcção

Nordic Sun · Convento de Cristo – Tomar | 22 de Julho, 22h00
· Kaspars Putniņš apresenta um programa que explora o tema do sol Nórdico

Te Deum Laudamus | Claustro D. João III – Convento de Cristo – Tomar | 23 de Julho, 19h00
· Obras: Song for Athene – John Tavener · Cantemus! – Lajos Bárdos · Alleluia – Randall Thompson · Audivi vocem de caelo – Duarte Lobo · Te Deum Laudamus – Marc-Antoine Charpentier
Coro do Festival ZêzereArts · Pulcinella – Ensemble Barroco Francês · Záve – Ensemble Vocal ZêzereArts · Pedro Correia, Brian MacKay – direcção
Concerto integrado na Temporada Portugal França 2022


Orquestra Jovem ZêzereArts | Teatro Municipal – Ourém | 24 Julho, 15h00
· A Orquestra Júnior ZêzereArts contará com a presença de alguns dos artistas residentes para celebrar o fim do curso de verão
João Paulo Fernandes – direcção · Luís Pacheco Cunha e Catherine Strynckx – professores

O Violoncelo no Coro | Cine Teatro Paraíso – Tomar | 27 de Julho, 21h00
· Música para violoncelo e coro com obras de Bach, Tavener e a apresentação de Métamorphoses de Philippe Hersant
Ophélie Gaillard – violoncelo · Záve – Ensemble Vocal ZêzereArts · Brian MacKay – direcção
Concerto integrado na Temporada Portugal França 2022


Recital - Alunos dos Cursos | Cine Teatro Paraíso* – Tomar | 28 de Julho, 15h00
· Recital dos alunos da Masterclasses de Cordas com a pianista Taíssa Poliakova Cunha

Música de Câmara | Capelas Imperfeitas – Mosteiro da Batalha | 28 de Julho, 21h00
· Os alunos das Masterclasses de Cordas tocam um programa variado de música de câmara

Violoncelos e Outros! | Castelo de Ourém | 29 Julho, 19h00
· Sextetos de cordas de Joly Braga Santos e George Onslow, seguidos de uma apresentação do Ensemble de Violoncelos ZêzereArts
Eliot Lawson – violino · Luís Pacheco Cunha – violino · Jorge Alves – viola · Isabel Pimentel – viola · Ophélie Gaillard – violoncelo · Catherine Strynckx – violoncelo · Estudantes das classes de violoncelo

Concerto de Gala | Igreja Matriz de Areias – Ferreira do Zêzere | 30 de Julho, 21h00
· Os professores e os alunos se juntam para apresentar um programa de música orquestral que incluirá obras de Sibelius, Nielsen e Arvo Pärt
A Orquestra do Festival ZêzereArts · Stephen Bryant – concertino convidado · Brian MacKay · direcção

Concerto Final | Claustro D. João III – Convento de Cristo – Tomar | 31 de Julho, 19h00
· A tradição do Festival ZêzereArts, a performance final na qual os professores e os alunos se juntam para apresentar um programa de música orquestral que incluirá obras de Sibelius, Nielsen e Arvo Pärt
A Orquestra do Festival ZêzereArts · Stephen Bryant – concertino convidado · Brian MacKay – direcção · Eliot Lawson (violino), Luís Pacheco Cunha (Violino), Jorge Alves (viola de arco), Catherine Strynckx (violoncelo), Adriano Aguiar (contrabaixo) – professores

>> Mais Informações

tripes
AVA Ensemble

15.º Concurso Internacional de Composição da Póvoa de Varzim · Concerto de Finalistas

17 de Julho, 21h00
Festival Internacional de Música da Póvoa de Varzim, Cine-Teatro Garrett, Póvoa de Varzim

Programa:
· Obras de: Anne Victorino d’Almeida (Suite Du Bocage) * e Ludwig van Beethoven; compositores finalistas no 15.º CICPV: João Ricardo * e Pedro Emanuel Pereira *

* estreia absoluta

AVA Ensemble
Sara Braga Simões · soprano
Ana Pereria · violino
Paula Carneiro · violino
Fiancisca Fins · viola d’arco
Fernando Costa · violoncelo

>> Mais Informações

tripes
Jaime Reis · © Sofia Nunes

Obra de Jaime Reis pelo Quarteto de Guitarras Aleph

16 de Julho, 19h00
ZKM – Zentrum für Kunst und Medien, Karlsruhe, Alemanha

Programa:
· Obras de José María Sánchez Verdú, Zeynep Gedizlioğlu, Jaime Reis (Fluxus, Vortex – Schubkraft) *

* estreia na Alemanha

Quarteto de Guitarras Aleph
Andrés Hernández Alba, Tillmann Reinbeck, Wolfgang Sehringer e Christian Wernicke

>> Mais Informações

violoncelo
imagem ilustrativa · Unslpash

Música de Compositores Portugueses pelo Quarteto Camões no Festival Cistermúsica

16 de Julho, 17h00
Mosteiro de Alcobaça – Celeiro

Programa:
· António Victorino d’Almeida · Quarteto “Meditações inquietas sobre um dia de Abril”, Op. 50 (1977)
· Eurico Carrapatoso · L’homme desarmé (2012)
· Alexandre Delgado · Quarteto de cordas (1991)
· L. v. Beethoven · Quarteto n.º 11, Op. 95 Serioso (1810-11)

Quarteto Camões
Pedro Meireles · violino I
António Figueiredo · violino II
Ricardo Mateus · viola
Martin Henneken · violoncelo

>> Mais Informações

Contemporaneidades (MPMP) · Salomé Pais Matos

16 de Julho, 19h00
Casa-Museu Dr. Anastácio Gonçalves, Lisboa

Programa:
· Sara Ross · Espera
· João Antunes · Prelúdio à deriva
· Susann MacDonald & Linda Wood · Haiku for the Harp: “Sacred music at night…”
· Filipe Pires · Figurações IV
· Susann MacDonald & Linda Wood · Haiku for the Harp: “A flash of lightning!”
· John Cage · In a Landscape
· Salomé Pais Matos · 5 virtudes para 1 café *

* estreia absoluta

Salomé Pais Matos · harpa

>> Mais Informações

tripes
imagem ilustrativa · Pixabay

Compor para Vozes e Orquestra · Concerto final do workshop ENOA

15 de Julho, 19h00
Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa

Programa:
· Daniel Davis · Do they know *
· Jue Wang · I'm Nobody! *
· Lanquing Ding · Digest *
· Solange Azevedo · Embody *
· Nelson Jesus · Canção da Saudade *
· Nino Russel · Hydra *
· Kaija Saariaho · Cinq reflets

* estreia absoluta

Orquestra Gulbenkian
Pedro Amaral · maestro

Eduarda Melo, Camila Mandillo · sopranos
André Henriques, Tiago Matos · barítonos
Madalena Pinheiro · voz juvenil

>> Mais Informações

tripes
Ângela da Ponte · © Alípio Padilha

Estreia de obra de Ângela da Ponte pela Orquestra Sinfónica da Academia de Artes de Chaves (Concerto Final de Estágio)

15 de Julho, 18h00
Auditório do Centro Cultural de Chaves

Programa:
· Obras de Ludwig van Beethoven, Joseph Haydn, Carl Philipp Emanuel Bach, Jean Sibelius e Ângela da Ponte (Concertino para Orquestra) *

* estreia absoluta

Orquestra Sinfónica da Academia de Artes de Chaves
Carlos Pereira · maestro

Melanie Gil · flauta
Adriana Rebouta · violoncelo

>> Mais Informações

Música de Compositores Portugueses pela Orquestra Académica da Universidade de Lisboa

10 de Julho, 17h00
Aula Magna da Universidade de Lisboa

Programa:
Arte do Saber – Concerto Final de Temporada
· Fábio Cachão · Interlúdios para Warhol e Basquiat *
· Diogo da Costa Ferreira · Penso em ti, logo sou – Homenagem a António Coimbra de Matos *
· Francisco Lima da Silva · Três Miniaturas *
· Ludwig van Beethoven · Sinfonia No. 5, Op. 67

* estreia absoluta

Orquestra Académica da Universidade de Lisboa
Tiago Oliveira · direcção musical

>> Mais Informações

tripes
imagem ilustrativa · Unsplash

Trio de Damas · Recital de Taíssa Poliakova Cunha

9 de Julho, 21h30
Casa Municipal da Cultura de Seia

Programa:
Nella Maíssa por Taíssa Poliakova Cunha
· Obras de Armando José Fernandes, Ernesto Halfter, Jorge Croner de Vasconcellos, Alejandro Erlich Oliva e Fernando Lopes-Graça

Taíssa Poliakova Cunha · piano

>> Mais Informações

tripes
imagem ilustrativa · Unsplash

Concerto · Connections (P/CZ) · Praga

8 de Julho, 17h30
Atrium na Žižkově, Praga, Chéquia

Programa:
· Jaime Reis · Fluxus, Dimensionless Sound (B) (2012-2017)
· Mariana Vieira · Tre (2019)
· Clotilde Rosa · Densidades (2002-2003)
· Lukáš Matoušek · Per Flauto (1975) *
· Michal Rataj · Beams (2018)
· Jorge Peixinho · Sine Nomine (1987-1988)

* estreia

Monika Štreitová · flauta
Beatriz Costa · violino
Jaime Reis, Mariana Vieira · electrónica
Nemoros · assistência técnica

>> Mais Informações

vibrafone
imagem ilustrativa · Unsplash

Música de Compositoras e Compositores Portugueses por Jonathan Silva

7 de Julho, 21h30
Quintas das Artes, Oficina das Artes, Município da Murtosa

Programa:
· Karlheinz Essl · Sequitur XI
· Solange Azevedo · Obsessed Clouds II
· José Alberto Gomes · Proyector I
· Paulo Bastos · Íris-abandono…
· Igor C. Silva · Drive_!

Jonathan Silva · vibrafone e outras percussões

>> Mais Informações

tripes
imagem ilustrativa · Unsplash

Concerto · Connections (P/CZ) · Lichtzwang 2022

7 de Julho, 19h00
Kaple Božího Těla, Olomouc, Chéquia

Programa:
· Mariana Vieira · Tre (2019)
· Clotilde Rosa · Densidades (2002-2003)
· Jaroslav Šťastný · 4 písně z cyklu 12 Písní pro Nao Higano (2020)
· Jiří Kadeřábek · Felice (2013)
· Marek Keprt · ElfenLaubLäuten (Verze 2022)
· Iris Szeghy · Meadow song (2013)
· Jaime Reis · Fluxus, Dimensionless Sound (B) (2012-2017)
· Jorge Peixinho · Sine Nomine (1987-1988)

Monika Štreitová · flauta
Beatriz Costa · violino
Nao Higano · soprano
Marek Keprt · piano
Jaime Reis, Mariana Vieira · electrónica

>> Mais Informações

tripes
imagem ilustrativa · Unsplash

Trio de Damas · Recital de Inês Filipe

5 de Julho, 18h30
Cendrev – Teatro Garcia de Rezende, Évora

Programa:
Homenagem a Olga Prats
· Obras de Ana Seara (Passa uma borboleta...) *, Constança Capdeville, Fernando Lopes-Graça e Armando José Fernandes

* estreia absoluta

Inês Filipe · piano

>> Mais Informações

tripes
imagem ilustrativa · Pixabay

Obras de Hugo Vasco Reis e Nuno Peixoto de Pinho na Lange Nacht: Klänge | Strukturen | Situationen

2 de Julho, 19h00-19h45
Konzertsaal 2, Toni Areal, Zurique, Suíça

Obras:
· Hugo Vasco Reis · Micro Images for Guitar e Micro Images for Soprano
· Nuno Peixoto de Pinho · ...desenhando o abraço...

Maria Kublashvili · soprano
Tiago Almeida · guitarra

>> Mais Informações

Ângela da Ponte · © Alípio Padilha
Ângela da Ponte · © Alípio Padilha

Estreia de obra de Ângela da Ponte no BEAST FEaST 2022

1 de Julho, 13h00
University of Birmingham, Reino Unido

Programa:
· Obras de: Mark Ferguson, Savannah Agger, Jorge Gregorio García Moncada, Costis Kontos, Julien Guillamat, Ângela da Ponte (thEma) *, Erik Nyström

* estreia absoluta

>> Mais Informações

>> Topo

Exposições/ Instalações/ ...

Exposição · Ser Músico em Portugal (1750-1985) uma viagem pela história do associativismo musical em Portugal

2 de Julho – 6 de Novembro
Museu da Música Portuguesa – Casa Verdades de Faria, Monte Estoril

O projecto de investigação PROFMUS – Ser músico em Portugal: a condição socioprofissional dos músicos em Lisboa (1750-1985) apresenta a Exposição SER MÚSICO EM PORTUGAL (1750-1985), com inauguração a 2 de Julho de 2022, pelas 15 horas, no Museu da Música Portuguesa – Casa Verdades de Faria (Monte Estoril), ficando patente até 6 de Novembro de 2022.

Trata-se de uma iniciativa inédita e pioneira que reúne uma selecção de documentos e outras peças de enorme valor e interesse patrimonial, provenientes dos arquivos históricos da Irmandade de Santa Cecília e do Montepio Filarmónico, ambos localizados na Basílica dos Mártires, e do Arquivo Histórico do Sindicato dos Músicos, depositado no Museu da Música Portuguesa – Casa Verdades de Faria.
Esta exposição trará pela primeira vez ao público uma extraordinária riqueza documental conservada nestes acervos, que é uma fonte essencial para a história da vida musical em Portugal entre o final do Antigo Regime, quando se dá um crescimento no associativismo musical dos músicos portugueses, até à integração de Portugal na então CEE (1985), e ao consequente início da livre circulação dos profissionais da música no mercado de trabalho europeu.
Documentar e trazer a lume a forma como as associações e os músicos se organizaram profissionalmente ao longo deste largo período, visa estimular novos olhares sobre as condições da actividade musical quotidiana em Portugal, um património imaterial histórico riquíssimo que importa preservar, estudar e salvaguardar.

A inauguração da exposição Ser Músico em Portugal (1750-1985), com produção e curadoria dos investigadores Cristina Fernandes, Manuel Deniz Silva e Tiago Manuel da Hora, é integrada no congresso internacional A música como profissão: estatuto, carreiras e associativismo, igualmente organizado pelo PROFMUS (30 de Junho – 2 de Julho).

Congresso · A música como profissão: estatuto, carreiras e associativismo (30 de Junho – 2 de Julho)

>> Mais Informações

Sondando Conflito: Uma Performance em Cinco Atos · Pedro Rebelo, com Matilde Meireles, em colaboração com Tinderbox Theatre Company

8-16 de Julho
Jardins Efémeros, Viseu, Portugal

10 de Junho-16 de Julho
Museu da Maré, Rio de Janeiro, Brasil

A instalação Sondando Conflito criada por Pedro Rebelo com Matilde Meireles é focada numa performance filmada de 30 minutos dirigida por Patrick J O’Reilly com os performers Joe Loane e Keith Singleton (Tinderbox Theatre Company). A peça tem como objetivo agregar vários elementos colectados durante trabalho de campo no projeto “Sounding Conflict” no Médio Oriente, Irlanda do Norte e Brasil.

A instalação projeta no espaço da galeria duas personagens insistindo de uma forma cíclica em gestos e ações que sugerem estados de destruição, reconstrução de uma casa, muro ou cidade…. Estruturada em cinco atos e uma coda, a performance filmada reflete atos de resistência, reconciliação e resiliência na forma em como duas personagens navegam um mundo construídos de tijolos. O filme questiona o que um muro faz a uma comunidade. É proteção ou fronteira? Quem constrói o muro para quem? Enquadrado nos conceitos de resistência, resiliência e reconciliação, o filme é uma investigação performativa sobre relações de poder, politicas de espaço e identidade.

A capacidade do som de criar espaços e materializar ação é explorada através de um ambiente sonoro que constantemente se altera entre a concretização da construção e destruição, a paisagem sonora e referencias a Hip Hop da Síria, Brasil e Irlanda do Norte. O trabalho sonoro inclui gravações sonoras destes locais, bem como sons de arquivo da BBC gravados durante os anos 70 na Irlanda do Norte durante o conflito armado conhecido como os Troubles. As convenções globais do Hip Hop em combinação com as suas notáveis variantes locais apresentam uma palete sonora na questão do papel da música criada no contexto de uma situação de conflito.

>> Mais Informações (Jardins Efémeros)
>> Mais Informações (Museu da Maré)

Sede – Jardins Efémeros, Viseu


Museu da Maré, Rio de Janeiro

CAIU A NOITE · Exposição com criações de Patrícia Sucena de Almeida

9 de Abril – 26 de Junho
Edifício Chiado – Museu da Cidade de Coimbra

«CAIU A NOITE trata de um conjunto de trabalhos do Colectivo Pescada n.º 5 que transitaram da sua última exposição no Paço dos Condes de Tentúgal, que tinha como mote a celebração da Primavera. Contudo, depois de um belo dia de sol, cantares e variações artísticas, chegou inevitavelmente, a noite.»

Exposição inserida na Programação Convergente do Anozero 21-22 Bienal de Arte Contemporânea de Coimbra.

>> Mais Informações

Música de Filipe Lopes na instalação Selva Coragem

18 de Março – 25 de Abril
Sala Pátria, Casa da Memória de Guimarães

· Selva Coragem · Teatro do Frio

Selva Coragem é um projecto construído com a comunidade, a partir de plantas emprestadas pelos habitantes locais. Toda a população pode contribuir para esta instalação, emprestando plantas de diferentes tipos.
Esta “matéria verde e viva” – cheia das memórias e dos significados que cada pessoa atribui às plantas que cuida – será a base para criar uma grande instalação vegetal e sonora, uma “pequena selva colaborativa”, que terá no seu interior diferentes espaços para estar, ouvir, conversar ou contemplar. No final do projeto, as plantas retornarão à sua casa com outras memórias, na perspetiva de um outro futuro, em que vegetal e humano não estejam tão separados.

Direção Artística · Rodrigo Malvar e Catarina Lacerda
Dramaturgia · Catarina Lacerda
Textos · Catarina Lacerda, Emanuele Coccia, Contos Yanomani
Composição Eletrónica · Rodrigo Malvar
Voz Gravada · Ece Candil, Bruno Pereira, Rodrigo Malvar e Catarina Lacerda
Composição Escultórica · Filipe Tootill
Objetos sónicos · Emanuel Santos
Desenho de Luz · João Abreu
Registo Vídeo · João Miguel Ferreira
Design de comunicação · Gil Mac
Assessoria de imprensa · Patrícia Barbosa
Produção Executiva · Natasha Bulha Costa

>> Mais Informações

É PRIMAVERA NO PAÇO · Exposição-Festa com criações de Patrícia Sucena de Almeida

2 de Abril, 15h00-23h30
Paço dos Condes de Tentúgal

É PRIMAVERA NO PAÇO é uma Exposição-Festa, organizada pelos Pescada Número 5, de celebração da Primavera.
Decorre no sábado, 2 de Abril, das 15:00-23:30, no Paço dos Condes de Tentúgal, dando a conhecer um espaço que foi marcante nas vidas do Baixo Mondego e na história do país.
Para os visitantes será uma experiência marcante a descoberta deste espaço residencial nobre, abandonado – durante o dia mas também à noite graças a uma proposta de iluminação que irá revelar um outro espírito do lugar – com mais de 50 trabalhos artísticos e performances, ocupando vários espaços do palácio ducal e os terrenos adjacentes.

A participação de Patrícia Sucena de Almeida neste colectivo inclui dois projectos:

· Insomnia – video e fotografia por Daniel Antero e Patrícia Sucena de Almeida
Pretende-se refletir sobre o desespero e a dor através de uma exploração dos ‘movimentos’ de um olho e da sua íris. A dificuldade em ‘encarar’ a mudança do mundo de hoje e a resolução dos seus problemas e a insónia constante dos que se preocupam, sendo esse um estado normal.

· Illusionis – fotografia e texto por Patrícia Sucena de Almeida e Ana Paula Inácio
‘Linhas’ – visual/ textual – que se aproximam e afastam em momentos reais e ilusórios formando uma unidade em sintonia criativa. Confusão entre o que existe e o que não existe, um devaneio, um sonho, com a intenção de enganar, mentir ou de criar uma outra ‘realidade’. Ou será a ilusão a realidade e a realidade uma ilusão?

>> Mais Informações

Música de Diogo Alvim na exposição Cisnografia

7 de Dezembro – 27 de Fevereiro
Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa

Cisnografia é um projeto de cruzamento disciplinar que repensa e trabalha sobre suportes de criação e apresentação das artes performativas, recorrendo a objetos da história da Dança, composição coreográfica, composição musical e cinema.
Enquanto elemento coreográfico e musical, consiste no desafio à composição e reescrita do 13.º movimento Le Cygne da Suite Le Carnaval des Animaux de Camille Saint-Säens. Esta obra resulta do desafio feito a treze coreógrafos/intérpretes/performers e um compositor, para, individualmente reescreverem a sua morte do cisne, de acordo com as linguagens pessoais e códigos de trabalho. Cada solo foi filmado nas diversas salas no Museu Nacional de Arte Antiga, permitindo composições que se relacionam intimamente com as obras e espaços.

Conceção e realização Luiz Antunes • Direção artística e desenvolvimento do projeto André Mendes, Luiz Antunes • Artistas convidados Ana Moreno, Allan Falieri, David Marques, Guilherme Leal, Joana Castro, Luiz Antunes, Marco da Silva Ferreira, Maurícia | Neves, São Castro, Nina Botkay, Tânia Carvalho, Thamiris Carvalho, Vasco Araújo • Composição Musical Diogo Alvim • Direção de fotografia Margarida Dias • Câmera e edição Tomás Pereira • Assistente de câmera Laura Dias • Produção Heurtebise • Comunicação e programação digital Marco Oliveira • Tradução Francisco da Silva Pereira • Suporte técnico e implementação Balaclava Noir • Parceria institucional Museu Nacional de Arte Antiga • Parceiros 23 Milhas, Câmara Municipal do Fundão, Museu Nacional de Arte Antiga, Quinta da Cruz – Centro de Arte Contemporânea, Rua das Gaivotas 6 • Apoio Direção-Geral das Artes – Ministério da Cultura

>> Mais Informações

Exposição Colectiva: Admirável Mundo Novo · com Patrícia Sucena de Almeida

9 de Outubro, das 15h00 às 23h00
Sociedade de Porcelanas de Coimbra – Arregaça

O Grupo Pescada N.º 5 e a Associação Há Baixa vão realizar a exposição coletiva “O Admirável Mundo Novo", que decorrerá no próximo dia 9 de outubro, com início pelas 15h00, no espaço fabril da Sociedade de Porcelanas de Coimbra, situado na Arregaça.
Serão 500 metros de percurso seguro, profusamente iluminado, de sentido único com 45 pontos de paragem nos vários pavilhões fabris: instalação, video, escultura, desenho, pintura, fotografia, performances musicais.

ORGANIZAÇÃO:
Colectivo Pescada N.º 5

CO-ORGANIZAÇÃO: Associação Há Baixa

COM O APOIO do Município de Coimbra, da Junta de Freguesia de Santo António dos Olivais, Bombeiros Voluntários de Coimbra, Centro Tecnológico da Cerâmica e do Vidro e Associação Portuguesa das Indústrias de Cerâmica e de Cristalaria.

>> Mais Informações

Mondego: o rio está em todo o lugar ao mesmo tempo · de Pedro Rebelo

30 de Agosto – 5 de Setembro, 15h00-20h00
Dar a Ouvir. Paisagens Sonoras da Cidade, Convento São Francisco, Coimbra

· Mondego: o rio está em todo o lugar ao mesmo tempo · projecto participativo de Pedro Rebelo

Concepção, pesquisa, trabalho de campo, entrevistas, recolhas sonoras, execução da instalação · Pedro Rebelo
Fotografia · Geraldine Timlin

A instalação Mondego: o rio está em todo o lugar ao mesmo tempo convida comunidades associadas ao rio Mondego a participar num projecto que visa articular o impacto da ação humana no ambiente.
O projecto centra-se na escuta e na experiência in situ ao longo do rio e documenta as qualidades naturais dos espaços, tais como o impacto da poluição e a intervenção humana. O rio Mondego, o mais longo exclusivamente em território português, é aqui explorado do ponto de vista da transformação da paisagem sonora e do seu impacto em comunidades humanas e não-humanas.
A materialidade sonora, orgânica e residual do Mondego, é expressa de forma escultórica num ambiente imersivo e interactivo, convidando o público a reflectir a presença e pertença da humanidade na natureza.

>> Mais Informações

Across and In-Between: Suzanne Lacy e Pedro Rebelo

12 de Junho – 14 de Agosto
Golden Thread Gallery, Belfast

· Across and In-Between · instalação de Suzanne Lacy criada em colaboração com Pedro Rebelo

Encomenda: 14-18 NOW e Belfast International Arts Festival

>> Mais Informações
>> Mais Informações

>> Topo

Concertos & Espectáculos

Encontros & Conferências

Concursos & Calls

>> Topo

 

 

 

Espaço Crítica para a Nova Música

 

MIC.PT · Catálogo de Partituras

 

MIC.PT · YouTube